terça-feira, 20 de julho de 2010

chega.

 "alice: como um homem pode ser tão desapontador ?
dan: esse é o meu charme."
[closer - perto demais]


(pra ser lido ao som de clocks, coldplay.)
eu não te sinto mais aqui. eu não te quero mais, tudo em você me é implícito, desconhecido; eu não sei ler a tua expressão, eu não sei como te perguntar as horas, eu não sei te virar as costas. eu não sei dos teus trejeitos, eu não sei identificar os teus sorrisos. eu não sei como é o teu hálito, eu não sei qual é o som da batida do teu coração. eu só sei me entregar a você, descalça e de mente vazia, sem nenhum dos meus truques e planos, sem caráter e sem vaidade, só preparada para sugar cada uma de suas sutilezas, rindo como criança da sua covardia. não goste do meu 'por dentro'; eu não valho nada e você não me conhece, você não sabe o que eu faria por você, você nunca soube lidar comigo, você só sabe fugir de mim quando vê que eu estou pronta pra ir embora. eu estou indo embora; arrume outra massagista para o seu ego, eu me demito. eu estou sem chão e sem rumo, e é assim que eu vou ficar; eu quero ser a desapegada agora, continuando a te amar incompreensivelmente, mas aprendendo a esquecer o quanto é bom sentir os teus braços ao meu redor.
mantenha-se longe, com essa camisa xadrez, que eu começarei a seguir em frente, vestida com a minha saia-lápis para ninguém em especial; assim todo mundo fica bem, todo mundo se mantém sóbrio e longe de amores inesperados.

Um comentário:

Glecy disse...

E esta na hora de vc mostrar a ele oq ele perdeu, vá embora e n olhe para trás, um dia ele ira perceber e se arrepender de tudo oq fez, mas aí será vc que ira rir. Confie em vc e no seu potencial, vc é demais pra ele, mesmo q isso soe poetico demais.

Quando vc menos perceber, ele fara apenas parte do seu passado maldito.